Após sofrer acusações de praticar Bullying, diretor de The Witcher 3 pede demissão

É parece que as coisas não estão bem dentro dos estúdios da CD PROJEKT RED, após ser acusado de praticar bullying o diretor do The Witcher 3: Wild Hunt, Konrad Tomaszkiewicz, pediu demissão. Ele chegou a ser investigado pela própria empresa que criou uma comissão para avaliar a situação, a investigação determinou que ele era inocente. Em um e-mail escrito por Tomaszkiewicz ele destacou que “muitas pessoas estão sentindo medo, estresse ou desconforto ao trabalhar comigo” ele também se desculpou pelo clima ruim que causou. E finalizou dizendo:

“Vou continuar trabalhando em mim mesmo. Mudar o comportamento é um processo longo e árduo, mas não vou desistir e espero mudar”.

Por ser o diretor de um jogo tão aclamado esperava-se que Konrad Tomaszkiewicz desempenhasse um papel importante no desenvolvimento do próximo jogo da saga The Witcher, mas parece que esse não será o caso e acaba por ser algo a se preocupar, já que a empresa fez a pouco tempo um lançamento desastroso (desconsiderando as vendas).

Fonte: GamingBolt

Sam Silva

Escrito por: Sam Silva

O único eu sou eu...vc tem certeza que o único você é você?

Nenhum comentário.

O que acha disso? Diga nos comentários.